Prazo para o CAR deve ser ampliado, diz Ministério

Home  »  NOTÍCIAS  »  Prazo para o CAR deve ser ampliado, diz Ministério
fev 18, 2015 0 Comentários ›› admin

O prazo para a realização do Cadastro Ambiental Rural (CAR) deve ser prorrogado por mais um ano. A informação foi divulgada em comunicado pelo Ministério da Agricultura, depois de uma reunião da ministra Kátia Abreu com a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira. O prazo inicial vai até maio deste ano.

“Este prazo deve ser prorrogado por mais um ano. O objetivo do MMA (Ministério do Meio Ambiente), em conjunto com o MAPA (Ministério da Agricultura), é atingir mais 35% da meta ainda neste ano, concluindo o processo de cadastramento até 2016″, informa o comunicado. Neste mês, apenas 11% foram atingidos. Foram cadastradas 576 mil propriedades rurais, em uma área equivalente a 127 milhões de hectares.

De acordo com os dados do Serviço Florestal Brasileiro, a região norte tem 202 mil imóveis rurais já cadastrados, somando 41,3 milhões de hectares (52% do total na região). No Sudeste, foram 101 mil registros, em uma área de quase 10 milhões de hectares (17% do total). A região Centro-Oeste já cobriu 53% da meta, com 56,7 milhões de hectares e 89 mil propriedades rurais cadastradas. O Nordeste  atingiu 6,7 milhões de hectares (8,9%) e 9,5 mil imóveis registrados. A região Sul cobriu 1,8 milhões de hectares (4,3%), com 66 mil propriedades cadastradas.

Previsto no Código Florestal Brasileiro, o Cadastro ambiental Rural deve ser feito como parte de processo de regularização ambiental das propriedades rurais. Além da identificação e da delimitações da área, são necessárias informações ambientais como áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal.

O produtor que não realizar o cadastro pode ficar impedido de obter crédito. A partir do CAR, é feito o Programa de Regularização Ambiental (PRA), também estabelecido pelo Código Florestal.


Deixe um comentário